Utilidade Pública

  • Home
  • Utilidade Pública
Por quanto tempo guardar os comprovantes de pagamento?

O Senado Federal em sua página oficial do Facebook, fez uma postagem bem interessante que responde uma dúvida bem frequente quando se trata de contas e comprovantes de pagamento.

Se você não é um acumulador, provavelmente já se perguntou:

Por quanto tempo devo guardar as contas pagas?

Então vamos relacionar alguns exemplos:

 

  • Imposto de Renda, IPTU, IPVA e outros impostos – Devem ser guardados por 5 anos, contados a partir do primeiro dia útil do ano seguinte.

Os comprovantes de pagamentos usados para deduções no IR devem ser guardados pelo mesmo período.

  • Contas de Água, Luz, Telefone e Gás – Devem ser guardados também por 5 anos.
  • Notas fiscais – Devem ser guardadas enquanto durar a garantia do produto.

Crédito imobiliário – Deve ser guardado Até a quitação do imóvel.

  • Comprovantes do pagamento de Aluguel – Devem ser guardados por 3 anos.
  • Comprovantes do pagamento do Condomínio – Devem ser guardados por 5 anos.
  • Cartão de crédito – As faturas Devem ser guardados por 1 ano.
  • Comprovantes de pagamento diversos, devem ser guardados por por 6 meses (compras a vista) ou 5 anos (compras parceladas).

Dívidas, contratos e financiamentos – Todos os comprovantes devem ser guardados enquanto durar o contrato.

O termo de quitação deve ser mantido por 2 anos.

  • Comprovantes de pagamento de Plano de saúde – Devem ser guardados por 5 anos, se for usado na declaração do IR.

 

  • Multas e documentos do veículo – O certificado de compra e venda do veículo deve ser mantido enquanto durar a posse do automóvel. Os documentos de licenciamento e de pagamento do seguro têm validade de um ano, até serem trocados por novos.
  • Comprovantes de multas devem ser mantidos por dois anos. Honorários de médicos, advogados, dentistas, contadores, etc – 5 anos.

Comprovantes de pagamento de  Seguros – Devem ser guardados por 1 ano após o tempo de vigência do seguro.

  • O Contracheque – Deve  ser guardado por 5 anos.

INSS – Para efeito de previdência social, profissionais autônomos devem guardar o carnê do INSS até o pedido do benefício da aposentadoria.

 

E aí, Gostou? Espalhe para os seus amigos! #COMPARTILHE

 

2 de setembro de 2017 / de / no
Multa RENAINF (consulta, emissão e dicas)

É muito desagradável quando você vai vistoriar, ou transferir um veículo comprado de terceiros para o seu nome e encontra uma multa chamada (MULTA RENAINF), que você nem sabia que existia, não é mesmo?

Pois bem, talvez nem o antigo dono saiba da existência dessa multa.

Isso acontece porque esse tipo de multa, é expedida pela Polícia Rodoviária Federal e pode não aparecer em consultar no DETRAN do seu estado, na base de dados do seu município e em nenhum outro lugar além da Polícia Federal.

Isso porque essa infração pode ter sido cometida em um estado diferente de onde o veículo é registrado. Exemplo: Vamos supor que você tenha o seu carro emplacado no Rio de Janeiro e vá para São Paulo à trabalho, ou lazer e em São Paulo é multado pela PRF por Transitar pelo acostamento. Essa multa aplicada pela PRF pode não aparecer em consultas no site do DETRAN e você só vai saber da existência da mesma quando for realizar a transferência do veículo e o DETRAN consultar a base do DENATRAN – PRF.

Mas como se prevenir dessa situação constrangedora da MULTA RENAINF?

Primeiro evite ser multado seja lá onde estiver. Segundo, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) disponibiliza a Consulta de multasNada consta que informa se o veículo possui multas extraídas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF).

A consulta mostra a data, hora, local e enquadramento, e poderá gerar o boleto para pagamento da multa.

É importante ressaltar que os autos de infração extraídos podem ser incluídos no sistema até 30 dias após o cometimento da infração. Isso significa que nos trinta dias anteriores a data da consulta o veículo pode ter sido autuado e a multa ainda não constar no banco de dados do sistema de nada consta da PRF.

O pior, é que no DETRAN do Meu estado eu fui informado que somente em uma base da Polícia Rodoviária Federal é que eu poderia consultar, e emitir o boleto para o pagamento dessa multa, mas ISSO NÃO É VERDADE! Em casa mesmo você pode realizar a Consulta de multas Renainf e o Nada consta do seu veículo.

 

Como realizar a consulta da e/ou o Nada consta de MULTA RENAINF:

Visite o site da PRF clicando aqui, ou no link: https://www1.prf.gov.br/nada_consta/index.jsf

Preencha os dados solicitados: PLACA e RENAVAM, e repita as letras da imagem;

Clique em consultar

Na tela que se abrirá (se você tiver alguma multa desse tipo, basta você clicar no link onde está o número do documento para ter acesso aos dados da multa.

Na tela de CONSULTA MULTA E GUIA DE PAGAMENTO > Multas > Dados da Infração, você pode clicar em GERAR BOLETO, e imprimir o boleto para o pagamento da multa e quitar a sua dívida.

7 de agosto de 2017 / de / no , ,
[CUIDADO] Golpe do ovo de Páscoa no Whatsapp infecta 300 mil brasileiros.

​Golpe no WhatsApp afeta 300 mil brasileiros prometendo ovo de Páscoa grátis

O WhatsApp se transforma em um vetor de ataques digitais cada vez mais usado pelo cibercrime.
Um novo golpe detectado pela empresa de segurança PSafe atingiu 300 mil brasileiros em apenas 24 horas. Para atingir tantas pessoas, bastou prometer um ovo de Páscoa grátis.
Infelizmente, esse tipo de ataque já se tornou comum. A pessoa recebe uma mensagem de alguém conhecido (e possivelmente infectado) com orientações sobre uma suposta promoção; ao clicar no link, o usuário é convidado a preencher um questionário falso, compartilhar o link com amigos e fornecer informações pessoais que possam causar prejuízo financeiro, podendo cadastrar o número de celular em serviços pagos de SMS, ou baixar aplicativos maliciosos que deixam o celular vulnerável.
No caso do golpe do ovo de Páscoa, o golpe envolve a promessa de que as lojas da marca Kopenhagen estão distribuindo um Ovo Língua de Gato para quem participasse da promoção. Obviamente, não é verdade.
O pior problema desse tipo de ataque é que ele alcança rapidamente um público muito grande. São mais de 100 milhões de brasileiros no WhatsApp, e muitos deles não têm familiaridade com tecnologia para perceber quando estão sendo vítimas de um ataque.
A situação piora, porque a mensagem normalmente vem de alguém conhecido, muitas vezes amigo ou parente, então já há uma relação de confiança prévia que facilita ainda mais a infecção. No caso do golpe do Ovo de Páscoa, a mensagem pode incluir até mesmo a mensagem de “acabei de receber o meu” que passa uma pessoalidade que pode enganar os mais inocentes.
Infelizmente, esse tipo de ataque depende muito do bom senso do usuário e experiência que muitos não têm ao lidar com tecnologia. É sempre bom ficar atento com URLs estranhas que chegam com a promessa de alguma recompensa tentadora. Via de regra, empresas não gostam de distribuir gratuitamente seus produtos, especialmente algo tão caro quanto um ovo de Páscoa de uma marca grande e cara, então o desconfiômetro é sempre a melhor pedida.
6 de Abril de 2017 / de / no , ,
Saiba se você tem direito ao pagamento do FGTS

Com a publicação da matéria do Calendário Oficial de pagamento do FGTS divulgado pelo Senado, muitas pessoas ficaram com dúvidas se tem ou não saldo inativo na conta do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para receber.

Por isso resolvi postar aqui um tutorial de como você pode verificar esse saldo diretamente no site da Caixa Econômica Federal que oferece essa consulta rápida, prática e gratuita pela internet.

Para saber se você terá ou não direito a sacar o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) de acordo com o Calendário Oficial, basta seguir os seguintes passos:

  • Primeiro tenha em mãos o seu CPF,   NIS / PIS ou PASEP;

Acesse o site da  Caixa Econômica Federal para realizar a consulta clicando aquiOBS: O site da Caixa Econômica Federal parece não ser compatível com alguns navegadores de celulares, então para evitar qualquer problema indicamos que toda a consulta seja feita de um computador. 

Consulta do FGTS / Campo 1 – Identificação:

Com o site da Caixa aberto, você vai preencher os dados solicitados no campo Identificação com o número do seu CPF ou  NIS / PIS ou PASEP e sua data de nascimento, e clique em CONTINUAR, como mostra a imagem abaixo:

Campo 2 – Autenticação:

Logo depois, na parte de Autenticação, o sistema de Caixa vai pedir para você inserir a sua senha da internet. (aquela que você usa para consultar o PIS/PASEP) Caso você não tenha essa senha, é só clicar em cadastrar senha e seguir os passos do sistema.

Campo 3 – Receba notificações em seu celular:

Logo depois de se autenticar, o sistema vai perguntar se você quer Receber notificações sobre o seu FGTS no seu celular. Se você quiser, basta cadastrar o número, caso não queira, basta somente ignorar o serviço.

Campo 4 – Saldo de contas inativas – MP 763/16:

Nesse momento o sistema já vai lhe mostrar o seu saldo inativo que você poderá sacar do seu FGTS.

Campo 5 – Como você receberá seus valores

Nesse momento você poderá escolher entre ir até uma agencia para receber o seu saldo do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) em mãos, ou até mesmo que o valor seja depositado diretamente na sua conta da Caixa Econômica Federal.

Campo 5 – Confirmação:

Esse é o ultimo passo. Basta você anotar tudo em um local seguro para futuras consultas e depois pode fechar o sistema.

OBS: O site da Caixa Econômica Federal parece não ser compatível com alguns navegadores de celulares, então para evitar qualquer problema indicamos que toda a consulta seja feita de um computador.

Viu como é fácil?

#COMPARTILHE!

14 de Fevereiro de 2017 / de / no ,
Veja o Calendário Oficial de pagamento do FGTS divulgado pelo Senado

Como foi prometido nos artigos : O Trabalhador não precisa mais esperar 3 anos para sacar o FGTS e Funcionário público pode sacar o seu FGTS inativo o Senado Federal finalmente divulgou o Calendário Oficial de pagamento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) para trabalhadores que tenham uma conta inativa encerrada até 31/12/2015.

Os trabalhadores tem direito a sacar o saldo do FGTS a partir do dia 10 de março, de acordo com o calendário na imagem abaixo.

O trabalhador poderá sacar o seu saldo depois do mês previsto, mas não antes, até a data limite de 31 de julho de 2017.

Muitos Funcionários Públicos podem e devem sacar o seu Fundo de Garantia por tempo de Serviço (FGTS) inativo e nem sabem disso (para saber mais clique aqui)

outra novidade é que os trabalhadores não precisarão mais esperar a conta ficar inativa por mais de 3 anos para sacar os valores do Fundo de Garantia do Tempo de serviço (FGTS). (clique aqui e leia a matéria)

Não esqueça de ver se você tem fundos inativos para receber do FGTS CLICANDO AQUI.

Texto do Calendário Oficial de pagamento do FGTS:

  • Quem nasceu em: Janeiro ou Fevereiro, pode sacar a partir de 10/03
  • Quem nasceu em: Março, Abril ou Maio, pode sacar a partir de 10/04
  • Quem nasceu em: Junho, Julho ou Agosto, pode sacar a partir de 10/05
  • Quem nasceu em: Setembro, Outubro ou Novembro, pode sacar a partir de 10/06
  • Quem nasceu em: Dezembro, pode sacar a partir de 10/07

    OBS: TODOS DEVEM SACAR Até o dia 31 de julho de 2017.

Não esqueça de ver se você tem fundos inativos para receber do FGTS CLICANDO AQUI.

14 de Fevereiro de 2017 / de / no ,
Empresa deverá fornecer celular reserva para consumidor durante o conserto do seu aparelho.

Projeto de Lei da Câmara nº 142 de 2015 que dispõe sobre a substituição de aparelhos de telefonia celular defeituosos.

A explicação da Ementa estabelece que durante o prazo de vigência da garantia, é direito do consumidor que apresentar aparelho de telefonia celular defeituoso em posto de assistência técnica autorizada receber por empréstimo aparelho que possibilite, pelo menos, originar e receber chamadas e enviar mensagens de texto.

O PLS 142/2015 prevê que a empresa de celular forneça um aparelho reserva ao consumidor caso o produto seja enviado para a assistência técnica ainda dentro do período de garantia.

Caso celular seja enviado para assistência técnica ainda dentro do período de garantia, o consumidor deverá receber da empresa, de graça o celular reserva durante o período do conserto.

O projeto foi aprovado na comissão de Meio Ambiente e Defesa do Consumidor do Senado e está pronto para ser analisado pelo plenário.

De acordo com o Senador Flexa Ribeiro (PSDB do Pará), que relatou a proposta, a substituição temporária dos aparelhos não irá prejudicar outros direitos previstos no Código de Defesa do Consumidor:

Ele pode exigir que a assistência técnica lhe dê um outro aparelho semelhante ao que está deixando enquanto o aparelho de sua propriedade é recuperada sem ônus nenhum…

Disse o Senador em entrevista à Rádio Senado que você pode ouvir no Player abaixo:

10 de Janeiro de 2017 / de / no
Professores podem ganhar isenção de Imposto de Renda

Consulta Pública sobre o Projeto de Lei que Concede isenção do Imposto de Renda sobre a remuneração de professores.

O Senado Federal publicou hoje uma consulta pública onde a população poderá votar e dar a sua opinião sobre o PROJETO DE LEI DO SENADO nº 445 de 2012.

A autoria do Projeto de Lei é do Senador Sérgio Petecão.

O referido Projeto de Lei Concede isenção do Imposto de Renda sobre a remuneração de professores.

Explicação da Ementa que concede isenção do Imposto de Renda para professores:

Altera a Lei n.º 7.713/1988, para isentar do imposto de renda os valores recebidos, a título de remuneração, quando o beneficiário for professor em efetivo exercício na educação infantil, fundamental, média e superior.

Dispõe que e esta lei entra em vigor na data de sua publicação e surtirá efeitos financeiros a partir do primeiro dia do exercício seguinte ao de sua publicação.

 Qual a sua opinião?

 

Para votar acesse: http://bit.ly/2iY096k

10 de Janeiro de 2017 / de / no ,
ATENÇÃO: O Seguro DPVAT está mais barato esse ano:

O Seguro de Danos Pessoais causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres DPVAT está mais barato esse ano.

A informação é do Senado Federal que deu a notícia em sua rede social oficial.

Também conhecido como Seguro Obrigatório, o DPVAT indeniza vítimas de acidentes de trânsito. Ele é pago juntamente com o IPVA e com o licenciamento anual do veículo.

Quem pode usar o DPVAT?

Qualquer vítima de acidente envolvendo veículo automotor de via terrestre ou o seu beneficiário pode requerer a indenização do Seguro DPVAT

O Seguro DPVAT oferece três coberturas:

  • Morte: Indenizações de até R$13.500,00 (Treze mil e quinhentos reais);
  • Invalidez permanente total ou parcial: Indenizações de até R$13.500,00 (Treze mil e quinhentos reais);
  • Despesas de assistência médicas e suplementares (DAMS): Indenizações de até R$2.700,00 (Dois mil e setecentos reais)

ATENÇÃO: Pedir a indenização do Seguro DPVAT é simples. Você não precisa recorrer à ajuda de terceiros.

Veja abaixo a tabela do DPVAT 2017 (sem considerar taxa de emissão e IOF)

  • AUTOMÓVEIS: R$63,69
  • MOTOCICLETAS: R$180,56
  • CAMINHÕES E CAMINHONETES: R$66,66
  • CICLOMOTORES DE ATÉ 50 CILINDRADAS: R$81,90
  • ÔNIBUS E MICRO-ÔNIBUS COM COBRANÇA DE FRETE E LOTAÇÃO DE MAIS DE 10 PASSAGEIROS: R$246,23
  • ÔNIBUS E MICRO-ÔNIBUS SEM COBRANÇA DE FRETE OU LOTAÇÃO DE MAIS DE 10 PASSAGEIROS COM COBRANÇA DE FRETE: R$246,23

9 de Janeiro de 2017 / de / no ,
Calendário de vencimento do IPVA 2017 [Rio de Janeiro]

A partir do dia 17/01 os donos de veículos automotores emplacados no estado do Rio de Janeiro já devem começar a pagar o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) de acordo com os vencimentos especificados na tabela abaixo.

Como já acontece a algum tempo, o vencimento do imposto e as respectivas datas de pagamento em cota única ou parcelado em até 3 vezes são de acordo com o número final da placa do seu veículo.

É importante que o dono do veículo fique atento às datas de vencimento, pois o não pagamento do referido imposto impossibilita o veículo de passar pela vistoria anual veicular e de acordo com o DETRAN/RJ, o motorista flagrado dirigindo veículo com o licenciamento anual vencido comete infração gravíssima, de acordo com o Código de Trânsito Brasileiro. Além de ser multado, ele recebe sete pontos na carteira de habilitação e tem o veículo apreendido.

Mas, antes não esqueça de conferir a nossa matéria: Coisas que você precisa saber antes de pagar o IPVA.

  • Final de Placa 0 – Integral ou 1ª parcela em: 17/01 – 2ª parcela em 16/02 – 3ª parcela em 20/03
  • Final de Placa 1 – Integral ou 1ª parcela em: 19/01 – 2ª parcela em 20/02 – 3ª parcela em 22/03
  • Final de Placa 2 – Integral ou 1ª parcela em: 23/01 – 2ª parcela em 22/02 – 3ª parcela em 24/03
  • Final de Placa 3 – Integral ou 1ª parcela em: 24/01 – 2ª parcela em 23/02 – 3ª parcela em 27/03
  • Final de Placa 4 – Integral ou 1ª parcela em: 27/01 – 2ª parcela em 02/03 – 3ª parcela em 03/04
  • Final de Placa 5 – Integral ou 1ª parcela em: 30/01 – 2ª parcela em 03/03 – 3ª parcela em 04/04
  • Final de Placa 6 – Integral ou 1ª parcela em: 01/02 – 2ª parcela em 06/03 – 3ª parcela em 05/04
  • Final de Placa 7 – Integral ou 1ª parcela em: 03/02 – 2ª parcela em 07/03 – 3ª parcela em 06/04
  • Final de Placa 8 – Integral ou 1ª parcela em: 06/02 – 2ª parcela em 08/03 – 3ª parcela em 07/04
  • Final de Placa 9 – Integral ou 1ª parcela em: 08/02 – 2ª parcela em 10/03 – 3ª parcela em 10/04

ATENÇÃO: O DPVAT poderá ser parcelado para os veículos do tipo MICRO-ÔNIBUS, ÔNIBUS, VANS, CICLOMOTOR, MOTONETA, MOTOCICLETA e TRICICLO, a Seguradora Líder promoverá a cobrança, integral ou parcelada, para tanto os proprietários deverão acessar o endereço eletrônico Parcelamento DPVAT, para emitirem a(s) guia(s) de cobrança do Seguro DPVAT.

6 de Janeiro de 2017 / de / no
Coisas que você precisa saber antes de pagar o IPVA

​Muitos estados iniciam a cobrança do IPVA em janeiro.

Como o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) é um imposto, o dinheiro que é arrecadado com ele não pode ter destinação fixa, como uso na manutenção das vias. 

Então o IPVA NÃO pode ser usado exclusivamente para a manutenção das vias, quando pessoas desinformadas espalham isso por aí, é apenas para causar revolta e indignação desnecessária na população.

Todo o valor arrecadado vai para um montante que pode ser usado em educação, saúde, saneamento, cultura e várias outras coisas, inclusive com trânsito e transportes. O que determina isso é o orçamento anual, que todos os estados e prefeituras têm.

Abaixo você verá 4 informações importantes que você deve saber sobre o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA):

  1. O IPVA é um imposto cobrado pelos Estados e pelo Distrito Federal. São obrigados a pagar os donos de veículos automotores.
  2. As legislações sobre o IPVA São estaduais. Cada estado decide o quanto cobra de imposto.
  3. O valor que você paga de IPVA é dividido da seguinte forma: 50% vai para o estado e 50% vai para o município onde o veículo foi emplacado.
  4. Não há obrigação de usar o dinheiro arrecadado com o IPVA na manutenção das ruas e estradas ou em ações relacionadas ao trânsito.

Fonte: Página oficial do Senado Federal.

6 de Janeiro de 2017 / de / no , ,