[ATENÇÃO] Sobre a misteriosa doença da urina preta

Ultimamente tem se falado muito, na mídia impressa, áudio-visual e nas redes sociais sobre uma misteriosa doença da urina preta que está fazendo vítimas no estado da Bahia.
Pouco se sabe ao certo sobre essa misteriosa doença, e por enquanto existem suspeitas de que a tal doença misteriosa possa ser causada pelo consumo de peixe ou causada por um vírus encontrado nas águas sujas assim como o vírus da Hepatite.

Os médicos até o momento não sabem o que causa a doença misteriosa, se é um vírus, bactéria, ou intoxicação.

Até o momento já foram divulgados por alguns portais de notícias os principais sintomas da misteriosa doença da urina preta, que são:

  • Dor muscular externa (que começa no pescoço e se espalha pelo corpo);
  • Insuficiência renal;
  • E o sintoma mais característico que é uma urina escura quase da cor preta.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde da Bahia até agora foram identificados 53 casos da misteriosa doença e nessa quarta-feira (dia 11), a segunda morte foi confirmada.

A incidência dos casos da doença misteriosa está na região metropolitana de Salvador (BA).

O Tratamento da doença misteriosa da Urina Preta:

Como os médicos não podem ainda confirmar as causas da doença o tratamento está sendo feito com hidratação e analgésicos.

Observação: É muito importante que o paciente não faça uso de medicamentos anti-inflamatórios, pois isso pode piorar ainda mais a situação dos rins que já está prejudicada pela quantidade excessiva de mioglobina que sai do músculo, vai parar na corrente sanguínea, é filtrada pelos rins e excretada pela urina dando essa cor escura quase preta (daí o nome popular de doença misteriosa da urina preta).

Comentários feitos na rede social Facebook, mostram a preocupação não só da população local, como também de todo o Brasil, pois como não se sabe a causa real da misteriosa doença, existem temores de que ela possa fazer ainda mais vítimas durante o carnaval, pois todos nós sabemos que durante a festa milhares de turistas circulam pela capital baiana para aproveitar um dos maiores carnavais de rua do país.

COMPARTILHAR