Educação

Entenda a formatação fácil de trabalhos nas normas da ABNT

Para algumas pessoas que possuem Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC), Monografias, Artigos e outras tarefas textuais para realizar, as normas da ABNT parecem ser um pesadelo.
Isso normalmente acontece pela forma agressiva em que elas são cobradas por docentes e instituições. Mas não se espante, pois deixar o seu trabalho nessas normas pode ser mais fácil e muito mais necessário do que imagina.
Ao contrário do que muita gente pensa, as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), não são suas inimigas, muito pelo contrário, pois as mesmas foram criadas para facilitar a leitura e compreensão dos textos.
Imagine um senário onde os textos são apresentados com uma diversidade infinita de tamanhos, fontes, cores e elementos desnecessários. Certamente isso dificultaria muito a sua leitura e compreensão daquilo que o autor realmente pretendeu apresentar.

Vamos as dicas fáceis para deixar o seu texto nas normas da ABNT

Veja a formatação simples nas normas da ABNT

O papel deve ser de tamanho A4 e na cor branca;
O texto do trabalho deve estar justificado para que fique alinhado às margens esquerda e direita. Esta formatação revela uma aparência mais organizada e o escrito fica melhor distribuído.
Nos textos, a fonte pode ser Times New Roman ou Arial, no tamanho 12 e na cor preta.
Já nas citações com mais de 3 linhas, notas de rodapé, legendas e tabelas a fonte deve ter o tamanho 10.
O Itálico deve ser usado nas palavras de outros idiomas. (Esta orientação não se aplica às expressões latinas apud e et al).
As margens devem ter 2 centímetros na parte direita e inferior, e 3 centímetros na esquerda e superior;
Os parágrafos devem ter um espaçamento de 1,5 entra as linhas.
Já as referências devem ser separadas umas das outras com espaçamento duplo.
Agora que você já formatou os textos vamos ver se em seu trabalho existem alguns elementos obrigatórios.

  • A Capa é sim um elemento obrigatório e nela deve constar o nome da Instituição, Curso, Autor, Título, Cidade e Ano;
  • Na Folha de rosto devem ser inseridos o nome do autor, o Título do Trabalho, a Cidade, o Ano, uma breve descrição do trabalho, onde deve estar incluído o objetivo e o nome do Orientador.
  • A Errata, só será necessária se for preciso algum tipo de correção.
  • Folha de Aprovação é lançada posteriormente o resultado. Nela constam os nomes do orientador e dos examinadores.
  • A Dedicatória é um espaço onde o autor do projeto deve dedicar seu trabalho.
  • Os Agradecimentos é um espaço onde o autor agradece aos que o incentivaram a chegar ao final do curso.
  • O Resumo é feito em um único parágrafo de 150 à 500 palavras. Ao final devem estar escritas as palavras-chave.
  • Caso haja ilustrações, tabelas, abreviaturas e símbolos, estes devem estar devidamente listados nesta sequência: Lista de Ilustrações, Lista de tabelas, Lista de abreviaturas, Lista de Símbolos, Sumário.

Sobre o texto nas normas da ABNT

O texto deve ser dividido em 3 partes:
A Introdução:  Onde devem ser citados os assuntos, a justificativa e o objetivo.
O Desenvolvimento, que é a principal parte do projeto, onde a ideia é exposta e desenvolvida.
A Conclusão, onde o tema tratado é concluído e os resultados são apresentados. Esta parte é a finalização de todo o estudo.

Elementos que deverão constar após o texto:

  • Referências – Item obrigatório em qualquer obra acadêmica. Lista numerada em ordem alfabética, onde encontram-se os títulos consultados para a criação da monografia.
  • Anexo – É opcional. Documentos agregados à obra para fins de comprovação de dados ou ilustração.
  • Glossário – É um item opcional. Trata-se de uma listagem que contém as palavras desconhecidas ou de sentido obscuro, com seus significados.
  • Apêndice – É opcional nas Normas ABNT – São documentos agregados à obra para fins de apoio à argumentação. Nesta parte são incluídos os questionários, entrevistas, tabulação de dados, etc.

DICAS IMPORTANTES: A cobrança de mais ou menos elementos depende do educador / instituição.  Essas são dicas básicas e fáceis, mas existem elementos mais complexos e elaborados que podem ser cobrados durante a entrega do seu trabalho.
Não faça o seu trabalho na última hora, tenha sempre tempo para realizar alterações e inclusões de elementos caso eles sejam cobrados posteriormente a primeira tentativa de entrega.
Não compre trabalhos ou pague alguém para escrevê-los, pois além de não ser certo, você não aprenderá nada e ficará para sempre dependente de terceiros para realizar as suas tarefas.
Site da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) www.abnt.org.br

Recomendados:

Inscrições para o ENEM 2019

Portal10

SISU 2019 – Inscrições e dicas para o 2º semestre

Portal10

Aproveite os cursos GRATUITOS do portal

Portal10

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe sua opinião