O Verdadeiro Sabão da Costa: Sua Origem, história e utilização.

Espiritualidade
Visto 1010 vezes des de 23 de dezembro de 2012.

O Verdadeiro Sabão da Costa: Sua Origem, história e utilização.

Para que serve o sabão da costa?

Embora o produto (sabão da costa) seja fabricado para o uso comum em banhos do dia-a-dia, nos ritos religiosos é muito usado também para a limpeza do corpo, da aura e para o descarrego. Além disso, o Sabão da Costa realmente tem propriedades dermatológicas.

Modo de usar o sabão da costa

Também nos ritos religiosos o banho é tomado lavando todo o corpo com o sabão
do pescoço para baixo, sem lavar a cabeça.

A lavagem da cabeça com o sabão só é indicada para “limpar-la” da “Mão” de
alguém que tenha colocado na cabeça indevidamente, nesse caso o sabão é usado
juntamente com o sabão de coco.

O Produto sabão da costa

O Sabão é sólido, de cor escura quase preto e em sua composição são usada
algumas ervas medicinais.

A história do Sabão da Costa

Relatos encontrados no site do atual fabricante, remetem a sua comercialização no Brasil pouco depois da virada do século vinte, onde era vendido na Flora Brasil e em algumas outras lojas do Rio de Janeiro.

Essa lojas tinham um fornecedor habitual do Sabão da Costa, um português chamado “CARDEAL” que de tempos em tempos chegava à cidade, vindo do outro lado do Atlântico que abastecia as lojas do ramo com o produto assim como com “pano DA COSTA“, “palha DA COSTA” , “pimenta DA COSTA“, etc.

Conta-se que nessa época sabão o vinha embrulhado em “palha de bananeira”.

Com a segunda guerra, em 1939,  ficou muito arriscado para o “Cardeal” cruzar o oceano atlântico para os fins comerciais, então o fornecedor acabou desaparecendo e o Brasil ficava sem seu sabão.

Tempos depois surgiu então um comerciante espanhol chamado Don Fernando Lopéz que passou a comercializar o Sabão da Costa já de forma menos artesanal e embrulhado em papel verde.

Alguns anos depois da guerra, o laboratório IFER registrou a marca “Sabão da Costa “ no INPI (Instituto Nacional da Propriedade Industrial),  e passou a fabricar o Sabão da Costa em suas instalações na zona norte da cidade do Rio de Janeiro, mas precisamente, no bairro do Grajaú.

Embora o Sabão da Costa esteja presente no Brasil desde pouco depois do ano de 1.620 como se viu, e seja oriundo de uma mística e secreta fórmula, é um produto cujas origens se baseiam no conhecimento hermético de antigos africanos mas que se produz hoje, com avançada tecnologia.

Atualmente o verdadeiro Sabão da Costa® continua sendo fabricado no Rio de Janeiro e tem sua fabricação terceirizada por algumas fábricas devidamente registradas na ANVISA no país todo, porém seu fabricante passa por algumas dificuldades devido a invasão de produtos falsificados que usam a marca de forma ilegal para vender produtos de baixa qualidade e de procedência duvidosa, que põem em risco a saúdo do consumidor.

Esse produto histórico pode ser encontrado em algumas das melhores lojas do
ramo.

Notas do Autor:
Antes de escrever esse post, entrei em contato com o responsável pelas vendas do Sabão da Costa para saber mais detalhes do produto e sua história, e fui gentilmente atendido em meu pedido recebendo as informações solicitadas além de alguns avisos IMPORTANTES:

Sabão da Costa

O fabricante ALERTA que “Sabão da Costa SÓ EXISTE UM”. E o “único e verdadeiro” tem essa marca registrada no INPI e tem sua fabricação terceirizada por algumas fábricas devidamente registradas na ANVISA no país todo.

Hoje, devido ao grande sucesso, a marca tornou-se tão conhecida a ponto de ser confundida com sabões-pretos em geral.

Geralmente, alguns sabões-pretos tentam fazer você acreditar que eles “foram trazidos da África”, ou pior ainda, de Angola que mesmo ficando na África, jamais produziu um único Sabão da Costa.

Alguns produtos “similares” que você encontra em diversas lojas de artigos religiosos, podem conter uma EXAGERADA dose de SODA CAUSTICA que provoca irritações pelo corpo após o banho e no pior dos casos pode também provocar sérias queimaduras em sua pele.

Quando essa matéria foi escrita, o fabricante mantinha um site onde contava um pouco mais sobre a história do produto com riqueza de detalhes no endereço http://www.sabaodacosta.com

Falando em Sabão, você já conhece o nosso curso GRÁTIS DE SABONETES ARTESANAIS?
CLIQUE AQUI e Veja em nossa página de CURSOS GRÁTIS.

Quanto vale essa matéria / post?
Se você gostou, considere fazer uma doação de qualquer valor para ajudar o autor:

Digite o valor que deseja contribuir:
R$ .

>> ENVIAR <<
Após a sua colaboração você poderá baixar um certificado de agradecimento pela sua participação.
#COMPARTILHE:
MAIS:

Deixe uma resposta

Continua depois da publicidade:
Anúncio: