Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

No último domingo (dia 07) o Brasil foi às urnas para votar em diversos cargos de representantes políticos por todo pais.

Foram Deputados Federais, Deputados Estaduais, Senadores, Governadores e a disputa mais discutida de Presidente da República.

De acordo com o TSE o resultado dos mais votados foi:

 

  • Jair Messias Bolsonaro, obteve 46% dos votos válidos;
  • Fernando Haddad obteve 29,3% dos votos válidos;
  • Ciro Gomes (PDT), obteve 12,5% dos votos válidos;
  • Geraldo Alckmin (PSDB) obteve 4,8% dos votos válidos;
  • João Amoêdo (NOVO) obteve 2,5% dos votos válidos;
  • Cabo Daciolo (PATRI) obteve 1,3% dos votos válidos;…

Entender a matemática do porque Jair Bolsonaro tem a maior chance de ser eleito o Presidente do Brasil é muito fácil.

Para isso basta partimos do princípio de que no cenário atual, os eleitores do Bolsonaro, não mudam o seu voto, principalmente para votar em um candidato do PT. Logo, os 46% de votos que foram para o Bolsonaro no 1º turno das eleições, continuarão com ele.

Já os eleitores de Ciro Gomes,  Geraldo Alckmin, João Amoêdo, Cabo Daciolo e outros, obrigatoriamente,  terão que mudar de voto, já que o seu candidato não estará concorrendo no segundo turno dessa eleição.

Sabemos que os eleitores do Bolsonaro não votam no Haddad, assim como os eleitores do Fernando Haddad, não votam no Bolsonaro, mas durante a troca obrigatória de candidato que acontecerá entre os eleitores do Ciro Gomes,  Geraldo Alckmin, João Amoêdo, Cabo Daciolo e outros, muitos eleitores devem escolher o voto  nulo/em branco por não gostar de nenhum dos dois, alguns devem votar em Haddad por causa de apoio partidário, mas muitos devem votar no Bolsonaro simplesmente por aversão ao PT.

A conclusão é a seguinte:

Já que o candidato Jair Bolsonaro obteve 46% dos votos válidos, para o seu adversário chegar a um “quase” EMPATE, será necessário que 100% das pessoas que votaram no Fernando Haddad, Ciro Gomes e Geraldo Alckmin, sejam convencidas a votar no Fernando Haddad.

Jair Bolsonaro com seus 46%, só precisa de mais  4% + 1 voto para ser eleito o presidente;

Já o seu adversário necessita da fidelidade dos seus 29,3%, e além disso convencer mais 20,4% +1 eleitor a votar nele para ser eleito.

E você, o que acha?

Deixe a sua resposta nos comentários abaixo.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here