Saiba quantos ACS e ACE o Ministério da Saúde pretende qualificar no seu estado

Jornal dos ACS e ACE
Visto 95 vezes des de 1 de março de 2018.

De acordo com o site do Ministério da Saúde, o mesmo investirá cerca de R$ 1,25 bilhão na abertura de vagas para a qualificação dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias em todo país. (serão mais de 250 mil vagas).

O curso será totalmente gratuito, livres de taxas, mensalidades ou quaisquer contribuições relativas à prestação do serviço.

Um dos objetivos do Ministério da Saúde com a formação desses profissionais é ampliar o acompanhamento da saúde da população no atendimento que é feito nos domicílios e nas comunidades, reduzindo agravos.

A expectativa é de que a partir de março, os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias já possam dar início ao curso, que terá o prazo de dois anos (1.800 horas/aula) para concluir a formação.

Atualmente, segundo estimativa do Ministério, até 30% dos agentes que atuam no SUS já possuem a formação em Técnico em Enfermagem.

Veja o numero de ACE e ACS por Estado:

O ministério da Saúde também divulgou uma quantidade de Agentes que espera qualificar por estado. De acordo com as matérias divulgadas no próprio site do Ministério da Saúde, a medida faz parte da nova Política Nacional de Atenção Básica (PNAB), que amplia a atribuição desses profissionais, proporcionando maior resolutividade aos atendimentos realizados à população.

Veja essa relação de Agentes Comunitários de Saúde (ACS) e de Combate às Endemias (ACE) que o Ministério da Saúde pretende qualificar como como técnicos em enfermagem através do PROFAGS:

No Acre o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 1.815 Agentes;

No Amapá o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 903 Agentes;

No Amazonas o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 2.289 Agentes;

Na Bahia o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 31.721 Agentes;

No Ceará o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 17.430 Agentes;

No Distrito Federal o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 1.097 Agentes;

No Espírito Santo o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 4.288 Agentes;

Em Goiás o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 10.023 Agentes;

No Maranhão o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 13.825 Agentes;

No Mato Grosso do Sul o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 4.693 Agentes;

No Mato Grosso o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 4.984 Agentes;

Em Minas Gerais o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 24.145 Agentes;

No Paraná o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 14.518 Agentes;

Na Paraíba o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 8.742 Agentes;

Em Pernambuco o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 15.530 Agentes;

No Piauí o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 6.644 Agentes;

Em Tocantins o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 3.170 Agentes;

No Rio de Janeiro o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 7.866 Agentes;

No Rio Grande Do Norte o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 6.893 Agentes;

No Rio Grande Do Sul o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 9.731 Agentes;

Em Rondônia o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 2.956 Agentes;

Em Roraima o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 888 Agentes;

Em São Paulo o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 25.332 Agentes;

Em Santa Catarina o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 6.853 Agentes;

Em Sergipe o Ministério da Saúde pretende qualificar cerca de 3.427 Agentes;

Fonte: Site da Agência Saúde – Ministério da Saúde

ATENÇÃO: Entenda se os Agentes DEVEM ou NÃO fazer o curso Técnico em Enfermagem Clicando Aqui.

Quanto vale essa matéria / post?
Se você gostou, considere fazer uma doação de qualquer valor para ajudar o autor:

Digite o valor que deseja contribuir:
R$ .

>> ENVIAR <<
Após a sua colaboração você poderá baixar um certificado de agradecimento pela sua participação.
#COMPARTILHE:
MAIS:
Tags: ,

Deixe uma resposta

Continua depois da publicidade:
Anúncio: