Política

Sergio Moro Acaba de determinar a prisão de Lula

O Juiz Sergio Moro acabou de determinar a prisão do Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva que tem até as 17h de amanhã (06/03) para se apresentar voluntariamente à sede da Polícia Federal em Curitiba.
A pena definida pela 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) é de 12 anos e 1 mês de prisão, com início em regime fechado.
 
Uma sala foi reservada para o Luiz Inácio Lula da Silva na Superintendência da Polícia Federal.
A defesa do ex-presidente tentou evitar a prisão com um habeas corpus preventivo no Supremo Tribunal Federal (STF), pedindo para que a pena fosse cumprida somente após o trânsito em julgado da sentença.
Mas o recurso foi negado na quinta-feira (5), por 6 votos a 5, depois de 11 horas de votação dos ministros. Com a decisão, o Supremo permitiu que Lula comece a cumprir pena no caso do triplex em Guarujá (SP) após encerrados os recursos no TRF-4.
 
Confirmada a condenação e encerrados os recursos na segunda instância judicial, Lula fica inelegível pela Lei da Ficha Limpa.
Entretanto, na esfera eleitoral, a situação do ex-presidente será decidida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que deverá analisar um eventual registro de candidatura de Lula – o que deve acontecer no segundo semestre deste ano.
O PT tem até 15 de agosto para protocolar a candidatura. Já o TSE tem até o dia 17 de setembro para aceitar ou rejeitar a candidatura de Lula.
O ex-presidente pode ainda fazer um pedido de liminar (decisão provisória) ao TSE ou a um tribunal superior que permita a ele disputar as eleições de 2018. A Lei da Ficha Limpa prevê a possibilidade de alguém continuar disputando um cargo público, caso ainda haja recursos contra a condenação pendentes de decisão.
Fonte: Site g1.globo.com

SUA AVALIAÇÃO:
0 votos e 0 pts

#COMPARTILHE AGORA

Continua após o anúncio:

Recomendados:

11 diferenças entre o Senado e a Câmara dos Deputados

Portal10

Muito cuidado com os heróis de véspera de eleição

Portal10

Câmara dos Deputados pede a sua opinião sobre a Reforma da Previdência

Portal10

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Deixe uma Opinião