Espiritualidade

Somos todos filhos de Jesus – Reflexões Padre Marcelo

Jesus sempre cuida e zela por todos os seus filhos. Abordei este tema no capítulo 6 do nosso Ágape, chamado “O bom Pastor”. Neste capítulo eu conto sobre o Amor de Cristo, que cuida de seus filhos como um pastor cuida de suas ovelhas.

Existe uma parábola que fala do ministério de Jesus junto aos “pequenos” e acentua que o divino Mestre não quer que nenhum deles se perca. Acolher um único deles tem uma importância imensurável aos olhos do Pai.

Ele é a fonte do amor salvador e conhece cada um “por seu nome” próprio, insubstituível. Tal ideia não conduz ao individualismo. Muito pelo contrário. Quer reconduzir todos a uma linha incomum. A dor e a ansiedade do pastor sempre se transforma em alegria quando ele encontra uma ovelha que estava perdida.

A novidade do ensinamento de Jesus brilha no seu caminho para com os pecadores, que devem ser buscados e não meramente censurados ou lamentados.

Anúncio

NÃO GOSTA DE VER ANÚNCIOS?

Deus não se regozija com a perda deles. Deseja que sejam salvos e reconciliados em Ele. a mesma ideia se encontra no Evangelho de S. João, em que o Bom Pastor vela para que nenhum de seus discípulos se perca.

Estas palavras expressam piamente a atitude de Jesus que “vê os pecadores e os chama, levando-os a se sentarem ao seu lado. Espetáculo admirável: os anjos temem por causa de sua grandeza e os pecadores comem e bebem com Ele”. S. Basílio refletindo sobre estas parábolas nos diz: “O bom Pastor vai em busca de ti e se tu te entregas a ele, ele não hesitará e não desdenhará na sua bondade em te colocar sobre seus ombros, alegrando-se por ter encontrado a ovelha que estava perdida. E se alguém protesta que foste acolhida imediatamente, o próprio Pai falará: É necessário festejar e alegrar-se, porque esta minha filha estava morta e agora retomou à vida, estava perdida e foi reencontrada”.

Dia de Oração:

A Cristo Rei Universal

“Ó Maria, Rainha dos Mártires, Senhora da Agonia, Vós que permanecestes de pé junto à Cruz de Vosso Divino Filho Jesus e às suas palavras: – “Mulher, eis o teu filho” – “Filho, eis a tua mãe”, tornaste-vos nossa mãe, acolhei com bondade, nossa prece filial. Ó senhora da Agonia, assim como o discípulo acolheu-vos em sua casa, também nós queremos abrir-vos as portas de nossos corações, consagrando-vos toda a nossa vida: passada, presente  e futura. Exercei Vossa função de Mãe, ensinando-nos a viver em todos os momentos a vontade de Deus, levando-nos a imitar o Vosso SIM de Nazaré. Vinde em socorro de nossas angústias, não permitindo que nos desviemos do caminho do bem, da verdade e do amor! Conduza nossas vidas ao porto seguro da salvação que é Jesus” Nossa Senhora da Agonia, Rogai por nós”.

Matéria do Jornal Extra – 20/03/2011

SUA AVALIAÇÃO:
0 votos e 0 pts

Atualizado em

Anúncio

ANUNCIE AQUI

Recomendados:

Oração a São Jorge

Portal10

Biografia da Anitta conta sua relação íntima com o candomblé em um terreiro de Nova Iguaçu.

Portal10

São Jorge: 23 de Abril – Ogum / Oxossi

Portal10

DEIXE SEU COMENTÁRIO